A diferença entre a água MINERAL e a água FILTRADA

Para você, qual é a diferença entre água mineral e filtrada? Se a resposta for “nenhuma”, te aconselhamos a ler este post até o final. Vamos lá!?

Para começar, ambas são potáveis, ou seja, são livres para serem consumidas à vontade sem oferecer riscos graves à nossa saúde. Basicamente, a água filtrada serve apenas para a hidratação do corpo, enquanto a água mineral além de hidratar, traz diversos benefícios à saúde e à beleza por conter sais minerais em sua composição.

Outra grande diferença entre elas é o local onde são extraídas. A água filtrada vem de rios, represas ou lagos, passa por tratamentos com produtos químicos até se tornar limpa e não conter riscos à nossa saúde ao ser ingerida. A água mineral, entretanto, sai diretamente da fonte e, muita vezes, no meio de uma reserva ambiental. Como a Água Mineral Krenak por exemplo, que é extraída diretamente de uma rocha e por isso é tão rica em nutrientes e sais minerais. Para a bióloga Darlianne Nadine, a qualidade da água é determinada pela quantidade de minerais que ela contém. “A água mineral é uma substância proveniente de fontes naturais que possui sais dissolvidos que são benéficos à saúde, como: o sódio, cálcio, cloretos, potássio, fluoretos entre outros”, comenta.

Água filtrada exige atenção dobrada!

Encanamentos enferrujados e caixas d’água sem higiene, podem comprometer a qualidade da água antes mesmo de chegar ao filtro de sua casa. “É importante saber a procedência e origem da água para consumo, pois mesmo passando por tratamento, pode chegar às residências trazendo consigo resíduos presentes em canos e caixas d’águas, sendo assim apenas a filtração é insuficiente”, afirma a bióloga.

Mas ainda há outros riscos que podem passar desapercebidos. “A água contaminada pode não apresentar alterações físicas como cheiro, turbidez, cor ou sabor. Os elementos que caracterizam uma água contaminada podem estar invisíveis a olho nu, como é o caso dos microrganismos patogênicos ou substâncias químicas capazes de causar doenças”, alerta Nadine.

Agora que você já conhece a diferença entre uma e outra faça sua escolha.

Krenak, pra quem tem sede de saúde!